PROTEJA SEU BICHINHO DO BARULHO DOS FOGOS DE ARTIFÍCIOS

























Os Perigos dos Fogos de Artifício

Os fogos são responsáveis por acidentes dos mais variados, principalmente com cães. E, em jogos, festas juninas e festas de fim de ano são ocasiões em que os animais se perdem de seus donos. 
Eles se assustam facilmente e tendem a correr desorientados e sem destino. 
Garanta condições mínimas de segurança, evitando ambientes conturbados e barulhentos.

Os 5 problemas que podem acontecer se não tomar cuidados

1- Fugas - Perdem-se e podem ser atropelados.

2- Comportamentos desesperado – Enforcam-se na própria coleira, atiram-se pelas janelas, batem a cabeça contra paredes ou grades e podem afogar-se em piscinas.

3- Brincadeiras com fogos – Podem abocanhar rojões, achando que é um objeto para brincar e ficarem feridos.

4- Comportamento – Estão sujeitos a mudanças de temperamento, ficando agressivos. 
             
5- Problemas neurológicos – podem sofrer convulsões, perder audição, entre outros    problemas.


 07 recomendações de proteção para os Cães

1-  Abafar o som colocando cobertores em janelas, no chão ou sobre o animal.

2- Não deixar muitos cães juntos, excitados pelo barulho eles podem brigar.

3- Distraia o animal e acostume-os com sons altos.

4- Procurar um veterinário para sedar o animal que não possa ficar dentro de casa.   
         
5- Acorrentados podem acabar se enforcando com a própria corrente.
  
6-  Alguns veterinários recomendam tampões nos ouvidos.

7- Calmantes naturais podem ajudar.


E 04 recomendações para proteção dos Gatos

1- Coloque no quarto com cama e armário aberto ou faça tocas com cobertores, formando abrigos confortáveis. Os gatos devem ficar todo o tempo recolhidos nesse quarto, se sentirão mais seguros.

2- Colchas, colchões e cortinas nas janelas abafam estrondo dos fogos.

3- Retire objetos que podem ser quebrado pelo animal.

4- Se os gatos viverem soltos na rua, recolha-os com antecedência.

SPC Brasil promove Pet Day com recreação e feira de adoção

Colaboradores poderão levar seus pets para um dia de integração e diversão.
Para quem está à procura de um melhor amigo, também será possível realizar uma adoção por meio de uma parceria com a ONG “Cães do Mundo da Lua”
SPC Brasil
Filhotes de Terrier Brasileiro - Foto: Eduardo Guimarães















A rotina dos colaboradores do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em São Paulo, vai mudar e para melhor na próxima sexta-feira, (6/12).
Será a primeira edição do “SPC Pet Day”, uma iniciativa da diretoria de RH, em acordo com os colaborares. Para que o evento seja um sucesso, foi preparado um espaço especial para receber mais de 30 cães e gatos, com atividades de integração e diversão.
Os pets serão recebidos com crachás personalizados, bandanas e terão à disposição estandes com alimentação e brinquedos que poderão ser adquiridos pelos seus tutores.
A equipe do “Pet In Company”, especializada em adestramento e recreação, estará à disposição para cuidar e entreter os pets durante o evento. A intenção da empresa é permitir ao funcionário um dia em que ele possa estar ao lado do seu companheiro durante suas atividades de trabalho, promovendo assim uma integração com os colegas de forma leve e agradável.
Para quem quiser se familiarizar com o universo pet, serão ministradas palestras sobre o tema durante o dia na sede da empresa.
O evento terá parceria da ONG “Cães do Mundo da Lua”, que promoverá no local uma feirinha de adoção. O profissional que optar por levar um pet para o lar, terá o benefício da “Licença Peternidade”, de oito horas, para adaptação do novo amigo no ambiente familiar.
Para fechar o evento, haverá uma Cãominhada entre os colaboradores e seus pets, pelas ruas do bairro, programada para às 15h.
Regras são importantes
Para que tudo corra bem, existem algumas restrições para as visitas dos pets. Os funcionários foram orientados a trazer apenas animais vacinados, vermifugados e que tenham um perfil dócil na companhia de estranhos. Para respeitar os colaboradores alérgicos ou que não tenham familiaridade com bichanos e cachorros, os pets ficarão em uma área especial do edifício com estações de trabalho no local.
A iniciativa, além de alegrar as estações de trabalho, servirá para reforçar valores cultivados pelo SPC, que incluem o respeito aos animais, a preservação do meio ambiente e o engajamento por um mundo mais sustentável.
Estudo comprova benefícios dos pets na vida pessoal e profissional
Dados de uma recente pesquisa realizada pelo Hospital Veterinário Banfield, nos Estados Unidos, comprovam que a presença de pets no ambiente de trabalho estimula a integração, motiva equipes, ajuda no equilíbrio entre vida pessoal e profissional, além de reduzir picos de stress.
O estudo, que contou com mil funcionários e 200 líderes da área de Recursos Humanos, mostra que 93% dos entrevistados acreditam que a presença dos animais em suas estações de trabalho gera maior motivação e redução nos níveis de estresse. Para 91% seus companheiros peludos ajudam a equilibrar as pressões prazeres a vida doméstica e profissional.
Pesquisa* conduzida pela One Poll e encomendada pela Mars Petcare, líder global de alimentos e cuidados voltados aos animais de estimação, concluiu que muitas pessoas se sentiriam mais felizes e confiantes com a presença de seus pets no ambiente de trabalho.
Os resultados mostraram que 59% dos entrevistados afirmaram que escolheriam uma empresa para trabalhar pelo fato dela possuir escritórios “petfriendly”, além de mais de 50% dos entrevistados relatarem que gostariam de ter a possibilidade de levar seus pets para o local de trabalho, afirmando que o fariam pelo menos uma vez na semana.

Olhando para a perspectiva do empregador, que estão sempre à procura de novos profissionais e, principalmente, buscam manter os talentos em suas empresas, a pesquisa mostra que abrir os escritórios para a entrada de animais é uma solução para a rotatividade que muitas empresas enfrentam. Dos empregadores ouvidos, 87% dizem conseguir reter e atrair mais talentos por serem “petfriendly”.Isso porque além de sanar uma crescente necessidade de grande parte dos profissionais de estarem mais próximos dos seus pets, isso ajuda a diminuir as preocupações com eles, quando são deixados em casa.50% dos profissionais entrevistados relataram preocupar-se com o pet sozinho em casa enquanto trabalham e as principais preocupações concentram-se nas necessidades básicas: mais de 30% se preocupa com o fato de o pet precisar passear, enquanto 35% se preocupam com o fato dele estar com fome ou sede.

Para aqueles que já são capazes de levar seu pet para o trabalho, mais de 40% relatam que aproveitam melhor o tempo ao lado do seu peludo tendo-o ao seu lado.
*A pesquisa aconteceu nos Estados Unidos, com uma amostra de 1.000 profissionais e 2.000.

- SPC Brasil - Há 60 anos no mercado, o SPC Brasil possui um dos mais completos bancos de dados da América Latina, com informações de crédito de pessoas físicas e jurídicas. É a plataforma de inovação do Sistema CNDL para apoiar empresas em conhecimento e inteligência para crédito, identidade digital e soluções de negócios.

Por Roberta Castro
roberta.castro@inpresspni.com.br



CUPONS DE DESCONTOS: UMA EXCELENTE ALTERNATIVA DE ECONOMIA PARA VOCÊ E SEU PET


Em todos os setores do comercio os consumidores buscam economizar e uma excelente alternativa são os cupons de descontos. Pra você ter acesso a uma variedade de cupons de descontos em diversos setores, super recomendo um site muito especial que reuni uma grande variedades de lojas com centenas de cupons de descontos disponíveis. 

Os descontos do mercado pet  mais  procurados vão desde medicamentos, rações e outros itens, vemos que com o passar dos anos, este tem virado um setor muito presente nas conhecidas promoções.

O site Cupomvalido.com.br tem inúmeras facilidades e vantagens para quem busca economia para si e para seu bichinho, saiba mais:

- Mais de 400 lojas parceiras do site em diversos seguimentos, certamente a sua loja preferida estar presente. É só pesquisar!.

 - Diversos Cupons validados diariamente. Encontre cupons de amostras grátis, com frete grátis, gratuidade no 1º mês de 100% e cupons de combos e brindes.

 - Nunca perca um grande cupom de desconto! Receba os melhores cupons no seu email. Cadastra-se no site e aguarde os melhores cupons!

 - É fácil usar, basta usar o cupom de desconto na página de finalização do pedido. Aqui não haverá burocracia, encontre diversos cupons de lojas confiáveis!
Fonte: Cupomvalido.com.br
Todo valor fornecido pelo cupom de desconto é válido e bem vindo, fará uma boa diferença no final do mês. Diz o ditado: De grão em grão a galinha enche o papo.

Verão: nessas férias leve seu cão para a praia

Empresa do litoral catarinense que faz locações de imóveis para a temporada inclui camas para pets entre facilidades para hóspedes
Pet friendly
Foto Divulgação





















O Brasil tem a segunda maior população de pets do mundo, com 52,2 milhões de cachorros e 22,1 milhões de gatos, segundo levantamento do IBGE. Na última década, o crescimento do mercado especializado em animais de estimação chamou atenção também do segmento turístico. Em resposta a uma pesquisa do TripAdvisor, um universo de 1.100 viajantes mostrou que 53% viajam acompanhado de seus animais de estimação, e 52% só ficam em um hotel se o estabelecimento for pet friendly.

PERSPECTIVA PARA O MERCADO PET NA BLACK FRIDAY DESTE ANO

A Black Friday é muito esperada em todos os setores do comércio, seja pelos vendedores, seja pelos consumidores.


Presente em supermercados e shoppings grandes, vemos Black Friday para jóias, roupas e até mesmo automóveis.

O que surpreende é que existe uma demanda crescente pela Black Friday pro mercado de pet shops! E é sobre isso que falaremos nesse texto, mais especificamente, os pets felinos.

Black Friday nos pet shops: O que esperar para este ano

Desde medicamentos, rações e outros itens do mercado pet, vemos que com o passar dos anos, este tem virado um setor muito presente nas conhecidas promoções de novembro.

Uma pesquisa do Ibope colheu algumas informações do mercado brasileiro, e fora constatado que, atualmente, ao menos 17% dos domicílios do país têm ao menos um gato.

Este número não tem quaisquer precedentes, mostrando que o mercado de produtos pets para felinos apenas cresce.

Com tendências mundiais que estimulam o aparecimento de Feiras Pet Shop Internacionais, Encontros Pet Shop, seria inevitável o aparecimento desta promoção nos pet shops.

Se você possui um pet shop, seria muito sapiente investir em produtos para os pequenos felinos, já que estes já se encontram numa população que chega à metade dos cachorros.

Pets são bem-vindos na 25° edição da São Paulo Restaurant Week

Evento gastronômico, que acontece até 27 de outubro, possui diversos restaurantes pet-friendly





























A 25° edição da São Paulo Restaurant Week, que vai até 27 de outubro na capital paulista, conta com mais de 70 restaurantes pet-friendly. Considerados parte da família, os animais de estimação poderão ficar à vontade ao lado de seus tutores com o Circuto Pet Friendly RW, onde terão espaços amplos, arejados e com vasilhas d’água e sachês à disposição.

O circuito, que já existe há alguns anos, nesta edição contará com o patrocínio das marcas de sachês super premium gourmet SHEBA® (para gatos) e CESAR® (para cães), da Mars Petcare, que acabam de chegar no Brasil. Os pets terão a oportunidade de degustar os novos alimentos, que serão entregues a todos os tutores. “Pensamos na conexão com a alimentação humana nessa experiência de sabores que trazemos com SHEBA® e CESAR® e gourmetizando a alimentação dos pets damos a oportunidade de o tutor oferecer uma refeição deliciosa a eles”, explica Marianna Oliveira, Coordenadora de Marketing da Mars Petcare.

Raças de gatos mais comuns no Brasil

Não é à toa que os gatos são muito queridos: é um animal de estimação peculiar, mas não perde sua fofura

















O segundo animal de estimação mais criado no país é um tanto quanto peculiar: independentes, astutos, espertos e com personalidade, desde o Egito antigo os gatos acompanham o homem e conquistam as pessoas por onde passam. Além das características psicológicas, suas características físicas também chamam a atenção e fazem deles animais de estimação muito fofos!
Alessandra Sayegh, professora do Curso Online UOV Hotel para Cães e Gatos, ressalta que os animais de estimação, sejam eles gatos ou cachorros, vêm sendo vistos, cada vez mais, como membros da família e, por conta disso as pessoas têm se tornado cada vez mais exigentes sobre qual raça escolher.
Cada raça de gato possui sua especificidade. Por consequência, é preciso conhecê-las a fundo para escolher a que mais combine com seu estilo de vida. Apresentaremos a seguir algumas das raças mais criadas no Brasil e suas características para facilitar a sua escolha:

Festa da Kika

A história que inspirou a realização da Festa da Kika

Foto: Studio Juarez Carneiro - Fotografá: My Leide

























O evento que ocorrerá neste dia 01 de setembro às 16 horas no salão de festa (Cantinho das festas) em João Pessoa na Paraíba, trata-se da comemoração do aniversário de 1 ano de uma cachorrinha da raça Lhasa Apso e também da comemoração do primeiro ano da marca de roupas pet que leva o nome dela - Kika kayth.

Yorkshire Terrier: conheça mais sobre a raça

O Yorkshire é um animal agitado, enérgico, mas sem ser agressivo, o que o torna excelente companhia para brincar com crianças.





















Yorkshire Terrier é uma raça de pequeno porte originária da Grã-Bretanha por volta de 1850 e proveniente de cruzamentos entre o Velho Terrier Preto e Castanho, Maltês, Skye Terrier, entre outras raças. Sua função era principalmente a caça de pequenos animais dentro de casa, geralmente roedores, e eram colocados, muitas vezes, dentro dos berços junto às crianças para que os protegessem de ratazanas. Hoje em dia, o Yorkshire é basicamente um cão de companhia, mas o instinto caçador ainda é facilmente percebido pelo seu modo de brincar, especialmente com pequenos brinquedos

Desfile de Cães BMB/2019


A Área Pet da Multifeira Brasil Mostra Brasil mais vez atraiu um publico que curte o universo dos bichos de estimação. Neste ano o evento apresentou como novidade as caminhas feitas de pneus da Pet Confort, tendo um design arrojado para oferecer conforto e bem-estar que os bichinhos merecem. 



Na Área ainda contou com o projeto Adotando, se fez presente mais uma vez, onde encontrou novos lares para cães e gatos resgatados. Os interessados em ajudar o projeto devem entrar em contato pelo Instagram: @projetoadotando.



O evento aconteceu do dia 5 a 14 de julho, no Centro de Convenções de João Pessoa na Paraíba, e contou com diversas apresentações de Agility, tão bem representado pelo Centro de Treinamento Canino Canis PB Team. A equipe do Canis PB Team trouxe diversos cães aptos, que junto aos seus tutores abrilhantaram a pista do Agility deste ano.

ÁREA PET DA BRASIL MOSTRA BRASIL



Ofereceu Espaço e Produtos para Pets

Caminha para cães
Foto: Lira Produções


Os criadores de animais de estimação já sabem que a Multifeira Brasil Mostra Brasil é um lugar também de encontrar produtos, serviços e atividades para os pets. Nos 25 anos da BMB não poderia ser diferente e, quem quiser, ainda pode sair do evento adotando um bichinho.

Uma novidade nesta edição da Brasil Mostra Brasil são as caminhas para os pets feitas com pneus. O design é preparado para que os animais se sintam em casa. “Nosso trabalho tem o intuito de recuperar os pneus, ajudando o Meio Ambiente, e também trazer o conforto e o bem-estar que o bichinho merece”, esclarece Micael Rodrigues, proprietário do Pet Confort, de João Pessoa.

As caminhas têm almofadas e rolinhos laterais com fibras antialérgicas. Alguns modelos acolchoados são revestidos com tecido impermeável que não absorve água, nem fixa a poeira.

Comportamentos Curiosos Definem os Felinos

Gato e torneira

Curiosidade define bem o espírito livre dos gatos. Eles exploram, observam, interrogam e sondam o mundo ao seu redor. Qualquer objeto novo ou uma simples mudança nos móveis da casa já é capaz de deixar o felino bastante intrigado. Mas, de onde vem este comportamento?
O gato foi domesticado há quase 6 mil anos, mas seu etograma (lista de comportamentos naturais da espécie) permanece o mesmo. As nove necessidades comportamentais básicas são idênticas, independentemente do estilo de vida do bichano, sendo elas: caçar, brincar, comer, esconder-se, observar, explorar, marcar território, dormir e higienizar-se. Ainda que a domesticação produza mudanças na duração de cada uma dessas atividades, até o gato de vida doméstica é um gato com uma vida de gato.

Gatos Ganham a Preferência dos Brasileiros


População Felina Aumentou 20% nos Últimos 6 anos


Foto: Eduardo Guimarães Gato: Meau

Domesticação tardia e mitos da espécie levam as pessoas a conhecem muito pouco as características dos felinos



Na corrida pelo coração do homem, os cães largaram na frente. Porém, pouco a pouco, vem chamando a atenção o aumento expressivo do número de gatos como animais de estimação. A população de gatos cresce mais do que a canina e, em nações como Estados Unidos, França e Alemanha, já é maioria. No Brasil, o número de bichanos é de mais de 23,5 milhões e nos últimos 6 anos, segundo dados do IBGE 2017, esse número cresceu mais de 20%. Na proporção em que aumentam nos últimos anos – duas vezes mais do que os cães – a previsão é que os felinos assumam a dianteira do ranking daqui a dez anos.

Seu Cão Vive Puxando a Guia Durante a Caminhada?

Aprenda alguns truques para tornar o passeio mais agradável


Quem nunca viu um dono sendo arrastado pelo seu cão durante o passeio? Você passa por isso? Sabia que ensinar o seu cachorro a usar coleira e guia para tornar o passeio tranquilo é muito mais fácil do que você imagina?

Para o adestrador e especialista em comportamento canino Ricardo Tamborini, tudo começa com a escolha do material correto. Em primeiro lugar, é importante utilizar guia e coleira adequados ao tamanho do cão.

“Não é recomendado o uso de coleira peitoral, pois os peitorais foram inventados para animais de tração (animais que carregam muito peso) e farão com que o cão ande na sua frente e puxe cada vez mais, tornando o passeio desagradável. Lembre-se de que quem deve andar na frente é você (o líder). O cão deve andar atrás ou ao lado”, destaca.

Como Apresentar a Casa e a Família ao Seu Recém Chegado Cãozinho

Seguindo este passo a passo é possível ter um ótimo cão, comportado e muito obediente


Ter um cãozinho de estimação fazendo parte da família é uma experiência fantástica. Mas para que o novo membro da família saiba como se comportar em sua nova casa é preciso mostrar-lhe tudo o que ele pode ou não fazer, como deve interagir com as pessoas, quais são os brinquedos dele e também qual o local em que ele deve urinar e defecar. 

Para que tudo isso ocorra de forma agradável para o cão, é necessário passar essas informações com muita naturalidade para que ele realmente compreenda como deve se comportar no dia a dia. No entanto, é nesse ponto que muitos donos acabam errando.

Para Ricardo Tamborini, adestrador e especialista em comportamento canino, a maioria das pessoas compra ou adota um cachorro, seja adulto ou filhote, e simplesmente o deixa explorar a casa. “Os donos se esquecem de apresentar a ele todos os membros da família e quais cômodos da casa ele pode frequentar livremente. E, assim, o pobre cachorro não tem ideia do que está acontecendo ou de onde ele está”, ressalta.

Você sabia que o Coelho não é um roedor?

Desmistificando o Símbolo da Páscoa


Há mais de uma década atrás, foi descoberto que o coelho possui quatro(em vez de dois) dentes na mandíbula superior(o segundo par está atrás do par visível). Essas e outras características fazem do coelho um "Lagomorfo".

Os Lagomorfos ... Leia mais ...

Eventos Movimentam os Pets

Os blocos Cão-Fuçú e Cão Folia, além das Etapas do Campeonato Paraibano de Agility movimentaram os Pets em João Pessoa


Cão-Fuçú Bloco bom pra cachorro


O Cachorrão marcou presença
No dia 17 de fevereiro o Bloco Cão Fuçú arrastou centenas de foliões que vestiram a camisa e a fantasia no seu cãozinho e caíram na folia,  aproveitando para ficar ainda mais próximo dos seus amiguinhos. Essa iniciativa contou com o patrocínio e apoio de empresas do setor, e os participantes que marcaram presença em mais um bloco bom pra cachorro.

Participação Especial Equipe Canis PB Team 

PORQUINHO DA ÍNDIA

Nem é Porco Nem é da Índia


O Porquinho da Índia (Cavia Porcellus) é conhecido por vários nomes: Cobaia, Coelhinho da índia, Cuí, Porco da Guiné e Preá, este último, na verdade, um parente próximo que vive na natureza (Cavia Aterea). Confunde-se também com coelho ou mesmo com hasmster. Mas se isso é freqüente no Brasil, o mesmo não acontece na Europa, onde os Porquinhos são tão populares que existem clubes especializados em vários países e até participam de exposições de beleza. Isso mesmo, eles são julgados, como se faz com cães e gatos.

Apesar do nome, o Porquinho da Índia não é da família dos suínos e nem tão pouco da índia, ele recebeu esse nome por conta do barulhinho que faz que se assemelha ao do porco e, na verdade, ele é originário da América do Sul que, no período colonial, era chamada de Índias Ocidentais.

Os porquinhos são sociais sendo eles bichinhos gregários, vivendo em grupos de dois ou mais na natureza. É bastante recomendado a criação de mais de um exemplar, preferencialmente do mesmo sexo para evitar a reprodução demasiada.

Os Cuidados


O Porquinho da Índia vive em média de 4 a 8 anos, ele é um bichinho herbívoro e se alimenta basicamente de capim ou feno, verduras cruas (cenoura, batatas, entre outras), algumas frutas, rações especificas e até ração para coelhos, não sendo esta última muito recomendada. Eles devem receber uma alimentação bem diversificada e rica em vitamina C, porque o organismo deles não produz a vitamina, devendo a mesma estar presente diariamente na alimentação.

Dentre os roedores criados aqui no Brasil, é um dos poucos que pode tomar banho com água. Eles podem crescer até 25 ou 30 cm e chegam a pesar 1,5 kg.

Eles podem ser criados soltos, em gaiolas de madeira ou em gaiolas de coelho com fundos de plástico, já existem no mercado as gaiolas especiais para os porquinhos. Aconselha-se a usar bebedouros do tipo mamadeira para que eles não derramem a água na serragem de forração da gaiola e os comedouros devem ser grandes e próprios para roedores, para que eles não os virem com facilidade.

via GIPHY
O Manuseio


Os porquinhos não têm o hábito de pular e nem de morder, são um pouco assustados por serem descendentes dos Preás do mato, que são muito ariscos. Dentro de poucos dias eles se acostumam com sua voz e cheiro e se tornam animais muito dóceis e carismáticos.

Com um pouco de paciência e dedicação se consegue ensinar alguns truques à eles e pode acostumá-los a atender pelo nome, para isso comece aos poucos, chamando-os pelo nome, sempre com o mesmo tom, e oferecendo-lhes um tipo de verdura ou algum alimento que eles gostem.

A Reprodução


O primeiro cio acontece a partir dos três ou quatro meses de idade, entretanto a fêmea só estará madura para acasalar aos 6 meses quando entrará na fase adulta. A gestação de uma porquinha dura cerca de 60 dias e nasce de um a seis filhotes. A mamãe porquinha dar as crias geralmente num canto da gaiola que tenha a forração da serragem ou capim. Diferente de outros roedores (Hamster, Esquilos da Mongólia, Rato Topolino, dentre outros), os filhotes dos porquinhos já nascem coberto por pêlos, de olhos abertos e comendo normalmente.


Aconselha-se evitar a presença do macho junto a porquinha no momento da cria, pois após quatro dias do nascimento dos filhotes, ela entra em novo cio e seu companheiro vai insistir no acasalamento, podendo machucar os filhotinhos e ocorrerá uma gravidez consecutiva desgastando a fêmea.

Para diferenciar quem é o macho e a fêmea, deve-se fazer alguns procedimentos simples. Nos machos o órgão genital tem o formato de “I”, onde a parte superior é maior do que nas fêmeas e se pressionando um pouco acima, o órgão sexual logo aparece.

Nas fêmea o órgão genital tem um formato de “Y” e se pressionara parte um pouco acima nada acontece, ficando visual o formato do “Y”.

As Cores e Pelos


O Porquinho da Índia na cor selvagem são cinza e de pelo curto, porém após anos de seleção e mutações temos hoje uma variedade enorme de cores e pelagens.

Com diferentes raças de porquinhos foram surgindo cores e pelagens exóticas, as mais comuns encontradas são tricolores com branco, preto e o marrom. Nas pelagens  as mais comuns são Pelo curto inglês (pelo curto), Abissínio 
(formato do pelo rosetas), Angorá ( pelo um pouco comprido), Sheltie ( pelagem bem lisa e longa) e os Peruanos ( pelos bem longos).

Conheça mais raças de Porquinhos da Índia neste site !

Veja mais artigos recomendados!